Página inicial | Favoritos | Contacto | Twitter (não ligo lá muito a isto!)| Facebook (não ligo pevas a isto!)| Myspace (surpresa, surpresa! Também não ligo pevas a isto!)

domingo, 25 de maio de 2008

Portugal: 12 points!

Bah, como se isso fosse possível! Pronto, até é, mas geralmente é só da nossa vizinha Espanha. Adiante... Todos os anos, chega esta altura e questiono: como é possível não ganharmos o Eurofestival da Canção?
Este ano, por acaso, tenho a resposta. Sugiro algumas coisas para triunfarmos: alguém que cante em português (aquilo é português?!?! E, vá lá, não enviaram um açoreano! Bem, por outro lado, por se assemelhar ao francês, a possibilidade de internacionalização seria maior); não enviem um cachalote (mandem a Merche ou a Sónia Araújo. “Mas elas cantam, ó RS? Acho que não cantam!” Isso importa?! “Lá estás tu... Só porque és um deus grego, com esse corpo escultural, superior a Adónis, achas bem gozar com os mais fracos?” Fortes, faço o reparo ao leitor.); ou enviem, a avaliar pelo ar piroso/amaricado do festival (este ano, não sei porquê, conseguiu ser menos), alguém como o Alex (aquele, o Mister). Vão por mim.





P.S. Eu sabia que éramos melhores do que os espanhóis em algo. Toma! Toma, toma, toma, toma!

P.S.1 Só vi porque a minha mamã queria companhia. Ah, e porque a gaja da Ucrânia...

Um comentário:

Nuno disse...

Pá, a gaja da Ucrânia... Nunca tive tanta vontade de rever o Festival da Canção como este ano...