Página inicial | Favoritos | Contacto | Twitter (não ligo lá muito a isto!)| Facebook (não ligo pevas a isto!)| Myspace (surpresa, surpresa! Também não ligo pevas a isto!)

domingo, 11 de novembro de 2007

Diz-se...

Acompanhei, com severa atenção, a discussão do Orçamento de Estado para 2008. Se é bom ou mau, não sei e confesso não querer saber. O que quero saber, isso sim importante, é: há ou não boatos verdadeiros? Isto é algo que, dois anos e meio depois do debate eleitoral entre José Sócrates e Pedro Santana Lopes, ainda me questiono. Relembro, para o leitor com falta de magnésio, que o candidato José Sócrates disse, a dada altura, algo como "patatipatata... é um boato falso". (sempre quis usar "patatipatata" num post) E é, a meu ver, uma vergonha que, durante o tão desejado reencontro destes dois gigantes da nossa praça política, esta temática não tenha sido debatida no Parlamento! Questiono, até porque corre o boato de que eu sou feio e parvo. Pfff, as coisas que as pessoas inventam! (um "pfff" com muitos gafanhotos) "Alto, mas tu és isso mesmo!" - diz-me o meu pai. Se ele o diz, logo, sim, há boatos verdadeiros. Ahhhh, queria tanto que fosse falso...

Um comentário:

Anônimo disse...

É só pa dizer, que este blog é uma ganda porcaria, e o burro nao é o k lê, mas o k escreve.
Viva é ao site do LETROCA!
LETROCA é k está a DAR!!!!
L-E-T-R-O-C-AAAAAAAAAAAA!!!!
(vês conseguist o k krias, o pior blog de todo o sempre!!)